Fechar

Aeroportos



Compartilhar:

RSS

Aeroporto de Brasília: 2º mais movimentado do país em 2020

Aeroporto de Brasília: 2º mais movimentado do país em 2020

 Mesmo no meio da pandemia, o Aeroporto de Brasília se consolidou, como o maior centro de conexão de voos do país. O Atualmente o aeroporto atende 39 cidades brasileiras e dois destinos no exterior. É o único terminal aéreo com ligação para todas as capitais do Brasil, possibilitando além do acesso aos principais centros urbanos, uma conexão com o interior.

Mesmo tendo fechando 2020 com movimentação semelhante à de 15 anos atrás, com 8 milhões de passageiros e 80 mil pousos e decolagens, sobe no ranking, tornando-se o 2º mais movimentado do país. Este número representa um fluxo de aeronaves 55% inferior a 2019 e um movimento de pessoas 46% menor que em 2019. 

“Com as restrições para viajar ao exterior, as viagens domésticas cresceram e o Aeroporto de Brasília, por ter capilaridade de voos e capacidade de conexão eficiente, foi a responsável pelo crescimento no ranking durante a pandemia”, conta Roberto Luiz, diretor de negócios aéreos da Inframérica.

O executivo ainda lembra que a concessionária adotou diversas medidas para que os passageiros que utilizarem o Aeroporto de Brasília viagem com tranquilidade. O Conselho Internacional de Aeroportos (Airports Council International - ACI) credenciou o aeroporto brasiliense com a Airport Health Accreditation (AHA), certificação de boas práticas em medidas sanitárias.

Foto: Divulgação

 



SAIBA MAIS

Aviação Militar/Geral

25/02/2021


Northrop Grumman B-21 conclui o redesenho sem custo   Um "grande redesenho" que corrigiu um problema do tamanho das entradas de ar dos motores no B-21 não alterou o custo ou cronograma do programa, disseram oficiais da Força Aérea dos EUA. A USAF concedeu à Northrop um contrato de US $ 21,4 bilhões, calculado em dólares de 2010, em outubro de 2015 para começar a desenvolver o B-21. Uma segunda aeronave já entrou no sistema de produção cinco meses após a Força Aérea ter confirmado a primeira, embora nenhuma tenha chegado à fase final de montagem. Como parte do programa de bombardeiro de ataque de longo alcance (LRS-B), deve ser um bombardeiro estratégico intercontinental avançado, de longo alcance, grande e de carga útil pesada para a USAF, capaz de entregar armas convencionais e termonucleares Os oficiais da Força Aérea continuam entusiasmados com os novos recursos que vêm com o B-21. Em comentários pré-gravados transmitidos durante o evento virtual, o general Timothy Ray, chefe do Comando de Ataque Global, destacou a facilidade de integração de novas armas no novo bombardeiro. A USAF comprometeu-se a comprar pelo menos 100 unidades do novo bombardeiro stealth, mas comenta-se que poderão ser até 200. Foto: Divulgação    


Aviação Civil

25/02/2021


Paranair volta a operar em Ciudad del Este       Compartilhar: < alt="twitter-widget-0" scrolling="no" frameborder="0" allowtransparency="true" allowfullscreen="true" title="twitter-share-button twitter-share-button-rendered twitter-tweet-button" title="Twitter Tweet Button" src="https://platform.twitter.com/widgets/tweet_button.6e189c4f2b6d88c453045806323cdcf3.pt.html#dnt=false&alt=twitter-widget-0&lang=pt&original_referer=http%3A%2F%2Fwww.revistaflap.com.br%2Fweb%2Faviacao-civil%2Fnoticias%2F21346-paranair-volta-a-operar-em-ciudad-del-este&size=m&text=Revista%20Flap%20Internacional%20-%20Avia%26ccedil%3B%26atilde%3Bo%20Civil%20-%20Paranair%20volta%20a%20operar%20em%20Ciudad%20del%20Este%3A&time=1614277068077&type=share&url=http%3A%2F%2Fwww.revistaflap.com.br%2Fweb%2Faviacao-civil%2Fnoticias%2F21346-paranair-volta-a-operar-em-ciudad-del-este%23.YDfpyum9dWI.twitter&via=revistaflap" data-url="http://www.revistaflap.com.br/web/aviacao-civil/noticias/21346-paranair-volta-a-operar-em-ciudad-del-este#.YDfpyum9dWI.twitter" style="box-sizing: border-box; position: static; visibility: visible; width: 70px; height: 20px;"> < name="f37d00e4f374" width="90px" height="25px" data-testalt="fb:like Facebook Social Plugin" title="fb:like Facebook Social Plugin" frameborder="0" allowtransparency="true" allowfullscreen="true" scrolling="no" allow="encrypted-media" src="https://www.facebook.com/web.6/plugins/like.php?action=like&app_alt=172525162793917&channel=https%3A%2F%2Fstaticxx.facebook.com%2Fx%2Fconnect%2Fxd_arbiter%2F%3Fversion%3D46%23cb%3Df270add199447e4%26domain%3Dwww.revistaflap.com.br%26origin%3Dhttp%253A%252F%252Fwww.revistaflap.com.br%252Ffbda7e34096748%26relation%3Dparent.parent&container_width=76&font=arial&height=25&href=http%3A%2F%2Fwww.revistaflap.com.br%2Fweb%2Faviacao-civil%2Fnoticias%2F21346-paranair-volta-a-operar-em-ciudad-del-este&layout=button_count&locale=pt_PT&sdk=joey&send=false&share=false&show_faces=false&width=90" style="box-sizing: border-box; position: absolute; border-width: initial; border-style: none; visibility: visible; width: 90px; height: 28px;">     Paranair volta a operar em Ciudad del Este  A empresa paraguaia assume um terceiro destino de sua rede, neste caso é seu único serviço doméstico entre Assunção e Ciudad del Este, suspenso há exatamente um ano em decorrência da pandemia. Por meio de nota em suas redes sociais, ele anunciou que a partir de 15 de março, a Paranair voltará a operar essa rota. A empresa fará dois voos ida e volta na segunda e quinta-feira, e será operada com seu CRJ 200 com capacidade para 50 passageiros. Até março de 2020, a empresa tinha dois voos diários de segunda a sexta-feira na rota e um voo no sábado e domingo, totalizando doze voos semanais, o que representa uma redução de 67% nos assentos oferecidos. Ciudad del Este se juntará aos atuais serviços de Buenos Aires, Argentina e Montevidéu, Uruguai; que têm um voo diário e três frequências semanais respectivamente. Os destinos para Iquique, Chile e Curitiba, Brasil, estão sem data de retorno. Foto: Divulgação  



Publicidade